Meu Pé de Laranja Lima

Tive acesso ao livro Meu Pé de Laranja Lima, escrito por José Mauro de Vasconcellos e publicado 1968, quando ainda era criança.

Ao concluir sua leitura eu saí do quarto completamente desgarrada, numa tristeza profunda e com o rosto inchado de chorar. Minha mãe, ali, me proibiu de ler qualquer outro livro (risos) pois pensou que aquilo poderia me fazer muito mal.

É encantador o vínculo de amizade que o pequeno Zezé estabelece com a árvore. Um garoto de apenas 5 anos de idade e com uma sensibilidade e esperteza admiráveis.

Carente, tanto financeiramente quanto da presença dos pais (pois tinham que trabalhar para sustentar toda a família), Zezé foi uma criança fascinante, criativa, traquina. Aos olhos dos adultos e de seus irmãos foi até considerado uma criança má.

O bom leitor logo percebe que ele é uma doçura de pessoa. Tanto que o Sr. Portuga acaba por ser um de seus melhores amigos. O outro, claro, era o Pé de Laranja Lima.

O livro é engraçado, comovente e triste.

A cena do You Tube vale para dar água na boca de quem não gosta muito de ler ou para quem já leu o livro e quer matar a saudade.

Como em todos os outros casos e sem querer ser radical, ler o livro é muito mais emocionante do que ver a versão em filmes ou novelas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.