Chove lá fora e aqui…

Dia oito é um dia muito especial e importante para mim.

Ontem choveu bastante nesta cidade. De casa para o trabalho eu pude verificar, mesmo sendo um percurso tão pequeno, algumas árvores (queridas árvores!) caídas e algumas ambulâncias indo de lá pra cá com aquele sonzinho que apavora.

Muita gente perdeu suas casas com a água, outras pegaram fogo. Quase sempre gente pobre que não tem onde se refugiar ou o que fazer em momentos assim. Resta-lhe buscar abrigo em alguma escola ou igreja até que o Estado ou a Prefeitura (será?) se compadeça da situação e tente resolver cada problema desse. Perder coisas e pessoas é muito ruim. É como perder seu referencial, seu endereço, algumas vezes a sua própria vida.

No mínimo, muitas pessoas hoje terão de contabilizar o prejuízo das fortes goteiras dentro de casa, dos móveis molhados, das paredes estufadas. Agora que o sol já saiu é olhar para traz e seguir em frente.

Um dia assim não dá pra ser comemorado.

1 pensou em “Chove lá fora e aqui…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.